quarta-feira, 9 de março de 2011

- Estamos tão longe, tão perto, também...

São 200 e tantos quilômetros de distância, há cidades e cidades nos separando, mas ainda assim sinto como se você estivesse aqui do meu lado, e talvez você esteja comigo mesmo, talvez eu esteja te levando para onde vou e ainda nem percebi.

É engraçado ver como a vida funciona, como as coisas acontecem...
Lembro da primeira vez que te vi, com enfeites na mão, sorriso no rosto. Não acredito em amor a primeira vista, mas lembro que pensei "Deus, como ela é linda".
Começo a pensar como sempre acreditei na capacidade do amor e como eu sempre o evitei, sempre deixei o amor em segundo plano, talvez terceiro, algo distante e agora vejo que talvez estivesse apenas guardando para a pessoa certa.
É a primeira vez que conheço alguém e consigo deixar tudo o que passou realmente no passado, porém não esqueço de nada, pois tudo que aconteceu me trouxe até aqui, mas guardo o que aprendi, o que foi bom e deixo tudo o resto para lá, e penso somente no que isso tudo pode vir a ser, e o mais legal é que isso me deixa feliz.

Não sei ainda do que chamar o que estou sentindo, mas uma coisa posso afirmar, meu sorriso tem destino certo, minha vida parece se encaminhar da forma como eu sempre sonhei, o medo que eu sempre tive continua aqui, mas parece ser tão fraco agora que nem o percebo mais.
E toda a situação da distância, e toda a situação de nossos passados e de como encaramos o amor, tudo isso é insignificante diante da forma como me sinto ao pensar sobre você.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário